Agentes do CPP II de Bauru flagram droga sintética em pães de forma

K4 chegou em encomenda enviada por esposa de preso   

O Centro de Progressão Penitenciária (CPP) II “Dr. Eduardo de Oliveira Vianna” de Bauru registrou, nesta segunda-feira (6), apreensão de k4, a maconha sintética. A droga foi camuflada em pães de forma enviados à unidade pela esposa do preso.   

        O flagrante ocorreu durante inspeção nas encomendas que chegam aos reeducandos, na presença do destinatário. Foram apreendidos 36 pedaços de papel contendo o entorpecente.   

INVESTIGAÇÃO 

A direção do estabelecimento penal registrou boletim de ocorrência e instaurou procedimento interno para apurar o caso.   

Fonte gov, br

Categoria:Jornalismo